top of page

Pequeno Dicionário de Termos da Perfumaria


Pode ser que alguns apaixonados por perfumaria tenham dificuldade em encontrar explicações para alguns termos relacionado ao mundo dos perfumes em português, então fiz este pequeno glossário, com explicações bem resumidas e voltadas para iniciantes, sobre alguns termos.


Fonte: perfumenapele.com


Absoluto:

Um concentrado do óleo essencial obtido de um vegetal ou espécie floral. É o mais concentrado que este óleo essencial aromático conseguirá ser. Exemplos: Absoluto de Jasmim.

Acorde:

Expressão aromática criada pelo conjunto de duas ou mais notas olfativas, criando um aroma mais complexo a ser utilizado em um perfume. Os acordes às vezes não são criados em separado, mas surgem de forma (relativamente) espontânea na fragrância. Exemplo: Acorde Rio Sunset, criado para simular o aroma que está associado à imagem tropical, alegre e calorosa do Rio de Janeiro, e é um aroma almiscarado.

Ambarado:

Hoje em dia, este termo refere-se a aromas levemente almiscarados, ricos, quentes, com nuances orientais, e que rescendam levemente a mel e terra. Pode conter quantidades variáveis de cravo, baunilha, benjoim e outras resinas aromáticas. A fórmula varia para cada perfumista. Não confundir com ambarino.

Ambarino:

Este termo não deve ser confundido com ambarado. Ambarino refere-se à ambarina, substância relacionada ao ambergris (âmbar cinzento), de origem animal (atualmente sintetizado, na maioria das vezes).

Animálico:

termo usado para definir aromas mornos, aconchegantes, sexuais, que muitos acreditam afrodisíacos, que normalmente derivam-se de almíscar animal ou outras excreções de alguns mamíferos (hoje em dia praticamente só se usam as versões sintéticas destes, em razão dos direitos dos animais) como civeta, musk (almíscar), ambergris e castoreum. Conferem complexidade e profundidade aos perfumes. Normalmente fétidos em forma concentrada, diluídos e em conjunto com outros acordes tornam-se sensuais e quentes.

Anosmia:

Doença ou disfunção, crônica ou temporária, que se caracteriza pela inabilidade de sentir ou reconhecer aromas.

Attar:

Refere-se a fragrâncias oleosas à base de flores.

Aura:

Vide projeção

Balsâmico:

Aroma resinoso, quente e adocicado produzido por resinas naturais e bálsamos de plantas.

Blotter:

Tira de papel especial e absorvente para a experimentação de fragrâncias.

Bouquet:

Combinação de notas florais.

Canforáceo ou canforado:

Ligado a aromas com uma característica “gelada e ardida”, como o eucalipto, alcaçuz, alecrim, menta e outros.

Composto:

O preparado (fragrância concentrada) antes de ser diluído em álcool.

Dry Down:

Notas finais, que estão associadas às notas de base ou fundo, e o quanto elas permanecem antes de desvanecerem completamente. Também chamado longevidade.

EDC (eau de cologne):

Base mais simplificada e acrescida de notas mais frescas Essência: 03 a 05% álcool: 80° duração média: 2h.

EDP (eau de parfum):

Intermediário entre o parfum e as EDT. Essência na composição: 10 a 15% álcool: 90° duração na pele: de 06 a 08h.

EDS (eau de splash):

Base refrescante Essência: menos que 01% alcool: 80°Duração : menos de 02h.

EDT (eau de toilette):

Base modificada para exalar as notas mais frescas. Sua graduação alcoólica e concentração variam de acordo com o fabricante. Essência: 05 a 10% álcool: cerca de 80°. Duração na pele: 04 a 06h.

Especiado:

Aromas pungentes e picantes, normalmente encontrados em especiarias como pimenta em grão, cravo-da-índia, canela e outros. Também o nome de uma tendência olfativa.

Estabilidade:

Uma medida de quão volátil um perfume pode ser quando exposto a elementos hostis como luz, umidade, e calor.

Extrato:

Perfumes alcoólicos que contém de 15% a 45% de composto de perfume em sua composição.

Famílias olfativas:

Tendências olfativas tradicionais da perfumaria. Normalmente os perfumes são classificados conforme as famílias predominantes nas notas médias e de base, ignorando na maioria das vezes as notas de saída, por sua fugacidade. Exemplo: Dior Addict é um oriental floral, considerando que o bouquet (floral) evidente das notas médias é realçado pela baunilha e fava tonka (orientais) das notas de base. Para conhecer as variadas tendências olfativas, clique aqui.

Fixativo (ou fixador):

Ingrediente adicionado ao perfume para que o mesmo dure mais. São elementos com alta contagem de moléculas, fazendo com que evaporem mais lentamente. Adicionados a um perfume farão com que o mesmo tenha profundidade e normalmente dure mais. O musk é um exemplo clássico de fixativo, e mesmo usado em quantidades mínimas fará um perfume parecer mais forte.

Flanker:

Perfume que tem o nome derivado de outro perfume. Normalmente compartilham conceitos complementares e são “variações de um mesmo tema”. Exemplo: Hypnnotic Poison, Pure Poison, Tendre Poison, Midnight Poison, que partilham de frascos parecidos e variam o conceito de Poison.

Herbal ou herbáceo:

Aromas de vegetais aromáticos, como camomila, tomilho, alecrim etc.

Hesperídicos:

Relacionado às frutas cítricas e seus aromas (termo derivado de hesperidia ou hespérides).

Marine:

fragrâncias que contenham aromas que lembrem o mar ou seu entorno: algas, driftwood (madeiras secas que o mar ou rio trazem), sal, e também notas ozônicas, como o calone.

Musgoso:

Acordes que remetem ao musgo, florestas, e têm aroma “úmido” e “verde”.

Nez (ou Nariz):

Como são chamados os químicos perfumistas, ou seja, o profissional que cria o perfume. O termo vem do francês, e significa literalmente “nariz”. Uma das habilidades de um nez, com certeza, é um olfato apurado e bem treinado para reconhecer aromas.

Notas de Cabeça (ou notas de saída):

São voláteis, duram alguns minutos apenas, é a primeira impressão da fragrância, sua alma. Normalmente, aromas mais frescos, como os cítricos, que por natureza são mais voláteis, desprendem-se primeiro, no conjunto de um aroma. São responsáveis por tornar uma fragrância cativante e vivaz, num primeiro momento.

Notas de fundo (ou notas de base):

É onde se encontram os elementos fixadores, que conferem peso, calor, e indicam o tempo de duração na pele. Normalmente são especiarias, resinas e madeiras e elementos animálicos que conferem esta capacidade, e que podem ser sentidos neste estágio da evaporação.

Notas Médias (ou notas de coração):

São liberados em seguida às notas de saída (às vezes imiscuindo-se a elas, porém iniciando sua evaporação com mais lentidão) e denota a personalidade do perfume. É onde se encontram as principais essências, é o corpo da fragrância. Este é o cheiro que as pessoas vão sentir mais, quando se aproximam de quem usa o perfume, por isso, para muitos, é considerado o mais importante.

Óleo essencial:

Concentrado de aromas obtidos normalmente por meio da destilação ou prensagem, de vegetais.

Ozônico:

Paradoxalmente, este termo está associado ao aroma de água fresca e gelada.

Parfum:

Forma mais “pura” comercializada. Produto que contém em média 15 a 20% de absolutos (pode chegar a 40%, mas é muito raro), utiliza normalmente o álcool 96° e dura aproximadamente 12h ou mais na pele. Muitas vezes não usa água como diluente. Hoje em dia são muito incomuns, devido ao alto preço.

Perfumista:

Uma pessoa aficionada por perfumes. O termo tem o mesmo tipo de construção que a palavra fashionista. O perfumista pode ou não estar envolvido profissionalmente com a perfumaria. Este termo é reconhecido internacionalmente. o termo tem um sentido mais amplo que inclui pessoas que não somente gostam de perfumes como estudam, especulam e discutem sobre tudo o que envolve perfumes.

Perfumólatra:

Similar a perfumista; pessoa com obsessão por perfumes. O perfumólatra não necessariamente tem interesse técnico ou especulativo sobre perfumes.

Projeção:

Muitas vezes confundido com sillage, é o quanto o perfume projeta-se em um raio, se aplicado em quantidade moderada. Este fator pode ter a ver com a intensidade das notas de saída ou topo, porém perfumes com projeção excepcional nos primeiros minutos não necessariamente terão uma sillage excelente durante o passar das horas. Perfumes bem desenvolvidos terão esta projeção de forma linear nas primeiras horas. Entretanto, são conceitos interligados. Também chamado aura e alcance.

Resinóides:

Vetiver, frankincense, orris, Bálsamo de Tolu e outros são exemplos vegetais de fixativos (vide fixativos). Os resinóides são aromas vegetais originados de resinas, raízes ou bálsamos, como o nome sugere.

Saponado:

Perfumes com uma picância levemente talcada, que lembram sabonete perfumado. Normalmente Iris, orris e as mesmas combinações dos talcados causam este efeito. Aldeídos também causam este efeito.

Sillage:

“Rastro” deixado após o perfume. Normalmente associado à potência das notas médias e de base.

Soliflore:

Fragrância que foca sua composição em apenas uma flor. Exemplo: L’Occitane Plum Blossom (flor de ameixeira), Prada Infusion de Rose (rosas).

Talcado:

Aroma que parece “seco” e “abafado”, lembrando a talco, e normalmente criado pela junção de aromas doces e amadeirados quando combinados com aromas verdes, ou mais leves.

Terroso:

Aroma ligeiramente “úmido” que rescende a terra e solos férteis, musgosos.

Fonte:

perfumenapele.com


26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Lista de post

Categorías

bottom of page